Sistema de coleta da Corpus em Paulínia é referência nacional em saneamento


Sistema europeu de soterramento chama atenção de consórcios públicos e empresas privadas




A equipe paulinense da empresa Corpus Saneamento e Obras recebeu uma comitiva de 12 pessoas numa visita técnica ao sistema Meclix no Rodoshopping de Paulínia – na cidade, conhecimento popularmente como o sistema de lixeiras soterradas. A apresentação aconteceu no dia 9 de setembro e foi acompanhada pelo gestor operacional sênior da empresa, Denis Roberto do Rego.

 

Na oportunidade, representantes da empresa Sotkon, a diretoria e superintendência dos consórcios Ecourbis e Loga, a gerência da Soma e os representantes da Prefeitura de São Paulo pela AMLURB (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana de São Paulo), participam de uma demonstração completa de todo o funcionamento da operação de coleta, transporte e também sobre o processo e os equipamentos do sistema Meclix, promovidos pela Corpus em Paulínia.

 

“Todos os visitantes mostraram satisfação com o sistema e a visita. Foi elogiada a operação da Corpus, bem como o estado geral da cidade de Paulínia”, divulga o gestor da empresa.

 

:: DIFERENCIADA

Com o serviço diferenciado de contentores soterrados desde 2011, Paulínia conquistou destaque em cenário nacional. O sistema é totalmente inovador e existe apenas em alguns países da Europa. Sem ocupar espaço entre as ruas e calçadas, as cubas de concreto ficam soterradas junto a contêineres plásticos. Na superfície, ficam apenas as tampas e as duas lixeiras com fundo falso para o depósito dos resíduos seletivos (papel, plástico, alumínio) e orgânicos (alimentos) que são encaminhados para os contêineres.

 

Quando a capacidade de 3.000 litros de lixo está próxima de ser atingida, um sensor é acionado automaticamente e uma equipe da empresa Corpus faz o recolhimento. É simples: o funcionário abre a tampa na superfície com uma chave e prende o contêiner que está soterrado na grua do caminhão. O contentoré esvaziado graças ao sistema universal de volteio, retornando ao subsolo, uma operação dura em média quatro minutos.

 

Em diversos pontos estratégicos da cidade, como o Rodohopping, Hospital Municipal e ruas do Centro, as lixeiras são facilmente identificadas pela população, pois estão devidamente identificadas para destinação de diferentes resíduos.

 

Há dez anos em Paulínia, Corpus mudou a cidade

 

Empresa de referência nacional é responsável pela limpeza e manutenção urbana que mantém a cidade sempre limpa e receptiva aos novos investimentos

 

Atuando na cidade de Paulínia desde janeiro de 2005, a empresa Corpus Saneamento em Obras fundiu-se ao cotidiano da cidade. Há dez anos, as praças arborizadas, jardins viçosos e as ruas e prédios públicos sempre limpos que fazem de Paulínia uma referência regional em qualidade de vida e promovem a imagem de potência de investimentos, são responsabilidade da empresa.

 

Fundada em 1982 pelo engenheiro Cineas Feijó Valente – projetista do primeiro aterro sanitário do Brasil -, a experiência e a qualidade na prestação de serviços no setor de limpeza urbana são as garantias da manutenção de seu abrangente contrato com a Prefeitura Municipal de Paulínia. Além das praças e jardins, a empresa atua na execução dos serviços de coleta manual e mecanizada de lixo domiciliar, comercial e hospitalar público, incluindo a coleta seletiva em 20% da cidade. No total, são mais de 24 serviços diferentes por toda a cidade.

 

Entre os serviços estão o fornecimento, manutenção e higienização dos contêineres de lixo sistematizados de última geração, coleta, transporte e destinação correta de materiais recicláveis, pilhas, baterias, lâmpadas fluorescentes e pneus inservíveis – que são triturados e descaracterizados antes de irem para o aterro sanitário.

 

O trabalho da empresa também pode ser visto na limpeza de todos os prédios públicos de Paulínia e na coleta e transporte de poda de árvores e resíduos resultantes das atividades de manutenção de áreas verdes e serviços gerais com fornecimento de picador de galhos – muito útil no período de fortes chuvas como a cidade enfrentou na semana passada.

 

Tanto trabalho gera emprego para mais de 800 colaboradores paulinenses, que em uma década, faz de Paulínia uma das poucas cidades no Brasil a dispor gratuitamente para a população o serviço de coleta especial de móveis e entulhos com caçambas estacionárias. Para utilizar é só agendar com a equipe do Projeto Lixo Zero pelos telefones 3874-4545 e 3874-3157.